Transparência    Ouvidoria    Acesso à Informação    Diário Oficial    Portal do Governo de Brasília  
   
BALANÇO DAS PRIORIDADES DO GOVERNO DE BRASÍLIA
 
 
 
 
 
 
INICIAL    DESTAQUES    TEMÁTICAS    PRIORIDADES    INICIATIVAS    POR ÓRGÃO   MAPA ESTRATÉGICO
Programa: Modelo de gestão e avaliação de desempenho
 
Prioridade: Articulação de ações com a área de segurança pública visando reduzir a violência nas escolas.
INICIATIVA STATUS ARQUIVOS
CONTATO
Sistematizadas, a partir de 2015, no 1º semestre de cada ano, ou sob demanda, reuniões com coordenadores regionais de ensino e gestores das unidades escolares e o batalhão escolar para todas as unidades escolares. Concluído SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DO DF

EVELYNE MARIA MOURA DA CUNHA

ouvidoria@se.df.gov.br;
Articuladas, em 2017, ações integradas da Secretaria de Educação com o batalhão escolar, oriundas das reuniões sistematizadas ou de demandas específicas. O batalhão escolar realiza entre três e quatro visitas anuais preventivas em todas as unidades escolares de sua respectiva jurisdição. Concluído SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DO DF

EVELYNE MARIA MOURA DA CUNHA

ouvidoria@se.df.gov.br;
Implantado, em 2016, o projeto piloto Viva Brasília nas Escolas, que consiste no estabelecimento de mútua cooperação entre a Secretaria da Segurança Pública e da Paz Social e a Secretaria de Educação visando prevenir e reduzir vulnerabilidades sociais e criminais nas escolas públicas do Distrito Federal e seus perímetros, por meio:
  • Do desenvolvimento de diagnóstico da situação de violência no ambiente escolar
  • Da valorização dos profissionais de educação e segurança
  • Da formação da comunidade escolar
  • Da articulação de políticas sociais, programas, projetos e ações que promovam a Cultura de Paz
Mais informações (link aqui)
Concluído Implantado, em 2016, o projeto piloto Viva Brasília nas Escolas, que consiste no estabelecimento de mútua cooperação entre a Secretaria da Segurança Pública e da Paz Social e a Secretaria de Educação visando prevenir e reduzir vulnerabilidades sociais e criminais nas escolas públicas do Distrito Federal e seus perímetros, por meio:
<ul>    <li>Do desenvolvimento de diagnóstico da situação de violência no ambiente escolar</li>
</ul><ul>    <li>Da valorização dos profissionais de educação e segurança</li>
</ul><ul>    <li>Da formação da comunidade escolar</li>
</ul><ul>    <li>Da articulação de políticas sociais, programas, projetos e ações que promovam a Cultura de Paz</li>
</ul>
Mais informações (<a href="http://www.ssp.df.gov.br/noticias/item/4051-viva-bras%C3%ADlia-nas-escolas-%C3%A9-apresentado-a-servidores-da-seguran%C3%A7a-e-educa%C3%A7%C3%A3o.html">link aqui</a>) SECRETARIA DE ESTADO DA SEGURANCA PUBLICA E DA PAZ SOCIAL

GILVAN SOARES MASCARENHAS

ouvidoria@ssp.df.gov.br
Lançado, em 26/10/2017, o projeto Construindo o Amanhã, que consiste na realização de visitas programadas de policiais das Delegacias da Criança e do Adolescente I e II (DCA I - Asa Norte e DCA II - Taguatinga Norte) em unidades de ensino, informando sobre as atividades das delegacias, sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente - ECA, entre outras questões. O projeto tem o objetivo de garantir os direitos das crianças e dos adolescentes e colaborar na redução dos índices de cometimento e de reiteração de atos infracionais. O programa tem como público-alvo alunos, pais, professores, diretores e demais servidores de escolas públicas do DF. Concluído POLICIA CIVIL DO DISTRITO FEDERAL

Lúcia Antônia M. Bandeira

ouvidoria@pcdf.df.gov.br
Lançado pela Delegacia da Criança e do Adolescente II (Taguatinga Norte), em junho/2016, o projeto DCA2 nas Escolas. De caráter preventivo e educativo, o projeto consiste na apresentação e discussão de temas relacionados à prevenção ao uso de drogas, violência, bullying, entre outros, por meio da promoção de encontros em diversas escolas públicas e particulares de todo o DF. Concluído Lançado pela Delegacia da Criança e do Adolescente II (Taguatinga Norte), em junho/2016, o projeto DCA2 nas Escolas. De caráter preventivo e educativo, o projeto consiste na apresentação e discussão de temas relacionados à prevenção ao uso de drogas, violência, bullying, entre outros, por meio da promoção de encontros em diversas escolas públicas e particulares de todo o DF. POLICIA CIVIL DO DISTRITO FEDERAL

Lúcia Antônia M. Bandeira

ouvidoria@pcdf.df.gov.br
Implantado o circuito de palestras, ministradas pela Academia de Polícia Civil - APC, sobre os efeitos e consequências do uso de drogas. Em 2017, alcançaram um público de aproximadamente 7.300 pessoas, entre estudantes e demais cidadãos, por meio de 23 apresentações realizadas pelo Museu de Drogas Itinerante, instalado em um ônibus, que percorre prioritariamente as cidades satélites, e de 18 palestras ministradas pelo Museu de Drogas, instalado nas dependências da APC, reformado e reinaugurado em 2017. Concluído Implantado o circuito de palestras, ministradas pela Academia de Polícia Civil - APC, sobre os efeitos e consequências do uso de drogas. Em 2017, alcançaram um público de aproximadamente 7.300 pessoas, entre estudantes e demais cidadãos, por meio de 23 apresentações realizadas pelo Museu de Drogas Itinerante, instalado em um ônibus, que percorre prioritariamente as cidades satélites, e de 18 palestras ministradas pelo Museu de Drogas, instalado nas dependências da APC, reformado e reinaugurado em 2017. Implantado o circuito de palestras, ministradas pela Academia de Polícia Civil - APC, sobre os efeitos e consequências do uso de drogas. Em 2017, alcançaram um público de aproximadamente 7.300 pessoas, entre estudantes e demais cidadãos, por meio de 23 apresentações realizadas pelo Museu de Drogas Itinerante, instalado em um ônibus, que percorre prioritariamente as cidades satélites, e de 18 palestras ministradas pelo Museu de Drogas, instalado nas dependências da APC, reformado e reinaugurado em 2017. Implantado o circuito de palestras, ministradas pela Academia de Polícia Civil - APC, sobre os efeitos e consequências do uso de drogas. Em 2017, alcançaram um público de aproximadamente 7.300 pessoas, entre estudantes e demais cidadãos, por meio de 23 apresentações realizadas pelo Museu de Drogas Itinerante, instalado em um ônibus, que percorre prioritariamente as cidades satélites, e de 18 palestras ministradas pelo Museu de Drogas, instalado nas dependências da APC, reformado e reinaugurado em 2017. POLICIA CIVIL DO DISTRITO FEDERAL

Lúcia Antônia M. Bandeira

ouvidoria@pcdf.df.gov.br
Intensificadas as ações de combate ao tráfico de drogas, por meio das Seções de Repreensão às Drogas - SRD das Delegacias Circunscricionais e da Coordenação de Repressão às Drogas - CORD, priorizando as cidades satélites e arredores das escolas, em razão do aumento do número de registros envolvendo crianças e adolescentes. No período de 2015 a 2017, entre presos, indiciados e com mandado de prisão, perfizeram o montante de 351 pessoas. Concluído POLICIA CIVIL DO DISTRITO FEDERAL

Lúcia Antônia M. Bandeira

ouvidoria@pcdf.df.gov.br
Mantido o Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência - Proerd. Participam do programa policiais com formação em psicologia, assistência social e outras áreas de ciências comportamentais.

O Proerd tem foco na prevenção e na conscientização dos alunos, alertando-os sobre os malefícios das drogas lícitas e ilícitas e sobre a conduta associada à violência.

Em 2017, o programa alcançou 119 escolas, entre públicas e particulares, totalizando 15.172 alunos. No triênio 2015-2017 foram beneficiadas 58.057 crianças de diversas escolas do Distrito Federal.

Mais informações (link aqui).
Concluído POLICIA MILITAR DO DISTRITO FEDERAL

MAJ QOPM MARCELO MACIEL DA SILVA

ouvidoriapmdf@gmail.com
 

 
 
 
SOBRE BRASÍLIA TRANSPARÊNCIA TURISMO
SOBRE O GOVERNO OUVIDORIA CARTA DE SERVIÇOS
CIDADÃO ACESSO À INFORMAÇÃO DÚVIDAS FREQUENTES
NEGÓCIOS COMUNICAR ERROS FALE COM O GOVERNO
SERVIDOR ACESSIBILIDADE  
GOVERNO DE BRASÍLIA

Todos os direitos Reservados ©
Palácio do Buriti, Praça do Buriti Brasília - DF
CEP 70075-900.
     
 
POTAL DE BALANÇO DAS PRIORIDADES DO GOVERNO DE BRASÍLIA
VERSÃO 1.0